Dedetização de Mosquitos RJ

Dedetização de mosquitos RJ, insetos pertencentes a ordem Diptera, família Culicidae cujo corpo está dividido em cabeça, tórax e abdômen. Possuem um par de antenas olfativas, um par de olhos compostos, um par de palpos sensoriais e uma tromba sugadora, a proboscídea.

As fêmeas são hematófagas, necessitando de sangue para que ocorra o amadurecimento dos ovos. Já os machos, alimentam-se de sucos vegetais. Após a alimentação, as fêmeas permanecem no interior das casas ou abrigos animais, para realização do repasto sanguíneo. Algumas espécies possuem hábito noturno e outras são ativas durante o dia. Durante seu ciclo de desenvolvimento, os mosquitos passam por quatro etapas: ovo, larva, pupa (fases aquáticas) e adulto (fase aérea).

Controle de mosquitos, dedetização de mosquitos RJ é com a CONTROLFORME.

Os mosquitos são transmissores de inúmeras enfermidades dentre as quais destacam-se a dengue, a febre amarela, as filarioses, a malária, as encefalites, a leishmaniose, etc.

Além de representar uma ameaça à saúde pública, os mosquitos causam incômodos, prejuízos nas áreas de turismo, lazer e no ambiente de trabalho. Peça sua dedetização de mosquito agora

Os gêneros que merecem destaque são: o Culex, o Aedes, o Anopheles e o Lutzomyia.

O gênero Culex está presente nas regiões tropicais e subtropicais do mundo, sendo chamado popularmente no Brasil de pernilongo ou muriçoca.

Culexquinquefasciatus

As fêmeas do Culex depositam os ovos em locais que contenham água com alto teor de matéria orgânica, aglutinados semelhante a uma pequena jangada. No período de dois a quatro dias ocorre a eclosão desses ovos, originando as larvas.

As larvas passam por quatro estágios (L1 a L4) cujo desenvolvimento ocorre em média de 10 a 15 dias, dependendo das condições ambientais. Após esse período, surge a pupa que dentro de um a três dias dará origem ao mosquito adulto. A principal espécie pertencente a esse gênero no Brasil é o Culexquinquefasciatus responsável pela transmissão da filariose. Possui grande capacidade de voo, podendo percorrer vários quilômetros de distância.

Aedes aegypti

As fêmeas do gênero Aedes depositam seus ovos em geral na lâmina de água e nas bordas e paredes de pequenos artefatos que acumulam água estagnada, limpa ou suja como pneus, vasos de plantas, tambores, calhas, caixas d´água, latas e diversos outros locais.

Mesmo sem a presença da água, os ovos podem permanecer vivos por até um ano. Para eclodir , basta ter contato novamente com a água. Cada fêmea é capaz de gerar cerca de 300 ou mais ovos. O ciclo do Aedes aegypti dura em média de 7 a 10 dias dependendo das condições ambientais, principalmente em relação a variação de temperatura.

As principais espécies pertencentes a esse gênero no Brasil são: o Aedes aegypti e o Aedes albopictus.

Aedes albopictus
Anophelesdarlingi

O mosquito do gênero Anopheles é conhecido popularmente como mosquito-prego, carapanã pelo fato de pousar perpendicularmente nas paredes. A maioria dos anofelinos tem hábitos crepusculares ou noturnos. Durante o dia, dirigem-se para lugares onde ficam ao abrigo da luz excessiva, do vento e dos inimigos naturais. Aí, encontram também maior grau de umidade durante as horas quentes do dia.

As fêmeas depositam seus ovos em criadouros naturais de água limpa tais como: lagoas, igarapés, córregos e remansos de rios. Os ovos são isolados, medindo cerca de 0.5 mm de comprimento e possuem flutuadores nas laterais que permitem a sua permanência na superfície da água. Dos ovos surgirão as larvas, que se transformaram em pupas e, posteriormente, mosquitos adultos. A duração do ciclo dos anofelinos dura em média de 7 a 20 dias, dependendo das condições de temperatura.

As principais espécies pertencentes a esse gênero no Brasil são: o Anophelesdarlingi, Anophelesaquasalis, Anophelesalbitarsis, Anophelescruzii e Anphelesbellator. Dentre essas destaca-se o Anophelesdarlingi.

Lutzomyialongipalpis

O mosquito do gênero Lutzomyia é conhecido como mosquito palha.

Apresenta hábitos crespuculares e noturnos. De um modo geral, as fêmeas realizam a ovipostura em lugares úmidos, ricos em matéria orgânica em decomposição e protegidos da luz.

O período de desenvolvimento larval tem duração média de 14 a 19 dias, seguido da formação da pupa.

Em torno de 9 a 10 dias, essas pupas eclodem, tornando-se mosquitos adultos que medem aproximadamente de 2 a 3 mm.

As principais espécies pertencentes a esse gênero no Brasil são: Lutzomyialongipalpis e Lutzomyiacruzi.

Entre em contato conosco para dedetização de mosquitos RJ.

Lutzomyiacruzi

 Top